O Governo do Amazonas vai publicar novo decreto em que mantém as medidas de restrição à circulação de pessoas previstas no Decreto n⁰ 43.450, de 19 de fevereiro de 2021. A única mudança será a autorização de funcionamento de academias e similares, no horário das 06h às 11h, de segunda a sábado, com limite de 50% da capacidade. O novo decreto terá validade de sete dias, de 1⁰ a 7 de março.

A decisão tem como base os dados analisados pelo Comitê Estadual de Enfrentamento da Covid-19, que aponta a necessidade de manutenção das restrições devido, principalmente, aos números relativos a internações e de transmissão do novo coronavírus.

Apesar de apresentar redução na última semana, principalmente com a ampliação de leitos exclusivos para Covid-19 pelo Governo do Estado, a ocupação de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) na rede pública de saúde está em 87,7%. Em relação a leitos clínicos, a ocupação está em 68,9%. As taxas ainda são consideradas elevadas.

Confira o que mudou no último decreto:

COMÉRCIO

  • Permitido funcionamento das lojas em geral de 09h as 15h. De segunda a sábado.

SUPERMERCADO

  • Mantém horário de funcionamento, de 6h às 18h, mas agora estará autorizada a venda de todos os departamentos.
  • A medida vale para supermercados de pequeno, médio e grande porte, atacadistas, pequeno varejo alimentício e padarias.

SHOPPING

  • Funcionamento das 10h às 16h, de segunda a sábado.
  • Praça da alimentação permitida, com funcionamento de estabelecimentos registrados como restaurante na classificação principal do CNAE.
  • Capacidade de 50% público e estacionamento de 70%.

UNIDADES DE ENSINO

  • Permitida parte administrativa, de segunda a sexta, com 50% da capacidade e por agendamento

BARES E RESTAURANTES

  • Restaurantes, lanchonetes e estabelecimentos registrados como restaurantes podem funcionar das 6h das 16h, de segunda a sábado, com capacidade de 50%.
  • Delivery continua até 22h e drive thru até 18h.

DEMAIS ATIVIDADES

  • Restrição de circulação das 19h as 06h.
  • Marinas permitidas para manutenção preventiva ou corretiva de embarcações.
  • Em todos os estabelecimntos, a lotação máxima deverá ser de 50%.

CONSTRUÇÃO CIVIL

  • Permite obras de manutenção e reforma em residências