​Henrique Almeida Cruz, conhecido como Panda e que tinha 22 anos, morreu após sofrer um atentado na avenida Hilário Gurjão, bairro Jorge Teixeira, zona Leste de Manaus. A esposa de panda presenciou todo o crime.

De acordo com a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), o casal estava em um posto de combustível quando foram abordados pelos assassinos. Foram feitos diversos disparos, para fugir em seguida.

Panda foi socorrido e levado em uma caminhonete para o Platão Araújo, onde morreu às 12h do mesmo dia.

Câmeras de segurança do posto de combustíveis devem auxiliar nas investigações, que serão coordenadas pela DEHS.

 

Um vídeo do momento em que ele foi socorrido foi gravado por populares: